sexta-feira, 2 de outubro de 2009

O Mar e o Céu

.
se aqui tão distante
no fundo do mar
ainda te vejo
mas não posso tocar

flutuas no céu
entre sonhos e ar
não há limite que impeça
tanto amor de amar

me afundo no chão
num oceano de medo
entre sombra e sal
te acompanho em segredo

te escondes entre nuvens
chora em chuva fria
inunda minhas veias
me afoga em agonia

mas um novo raio de sol
descobre então esse véu
confiante no horizonte
de mãos dadas: o mar e o céu.